O patinho tavu na lagoa... O Menininho tavu na canoa... Se eu fosse uma brabuleta.... Pegavu ele e butavu na maleta....

11/29/2008

Não aperte o Carnerinho






Cordeiro de Deus que Tolis pecata Mundi - Misere Nobilis!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

11/20/2008

Novelas



Eu gosto tanto de Ugly Betty que me sinto abandonado quando a novela acaba... abandonado... assim, sem ninguém... sozinho, desamparado... triste... vazio... ai ai... é isso.

Quando chega quinta-feira, me sinto vivo de novo! Como o milagre do renascimento... mas aí a novela acaba... e lá vou eu de novo... sózinho... sem Betty Suarez, sem Ilda, sem Justin, sem Daniel, sem mais ninguém... sozinho e desamparado... ai ai... é isso.

11/13/2008

Cara, são só flores



Eu sei lá se ainda tenho o que dizer, sei que são flores ali e aqui perto, e sinto muito o cheiro doce dessas maravilhas coloridas. Fico sem fala mesmo... Trata-se de um jardim, e todo ele foi cultivado por um cara só, um cara baixinho como um gnomo e bonito como um ator de cinema europeu. E tu não vê outra coisa por ali a não ser flores lindas espalhadas por todos os cantos...

Ah, eu achei até que aquilo mudaria minha vida, tudo bem, sou ingênuo ao ponto de acreditar em sinais aí... Mas minha ingenuidade não me incomoda não, levo na boa. Só não entendo porque eu desisto assim, com tanta facilidade das coisas. Isso sim me intriga, pois se sou ingênuo, não era pra ser mais apaixonado pelas coisas.

Ah, mas eu nem ligo mais, porém, vou falar das flores daquele lugar sempre que possível aí... a vida não tem nada pra nos oferecer além de flores num jardim incrível.

é isso.

11/09/2008

Pois Então



Eu tinha adoração por tudo ali, o cheiro das coisas, o passo no chão, as flores no centro da mesa, a cozinha sempre tão limpinha e a varanda com uma jibóia no chachim - eu simplesmente tinha adoração por tudo ali, o cheirinho do café, o cigarro no cinzero e o desenho da fumaça... era tudo adorável por ali. A música no fundo, sempre música no fundo, mesmo se fosse no fundo da mente, sempre se tocavam coisas por ali, e eu tinha adoração por tudo aquilo...

Aquele chão lindo que brilhava e refletia as nuvens q passeavam no vento lá fora, naquela grande janela azul, sempre azul, escurecendo dentro e mantendo as sombras em movimento... e o cheirinho de café? O assunto sobre as novelas, as gargalhadas que se tinha ali, só se tinha por ali mesmo.

Ah, eu sinto saudade de mim ali... bem ali... se um dia eu parar de chorar, juro por Deus, que a culpa não foi minha...

11/08/2008

Assim, meio de sem assim estar sendo assim assim...



A cara, to completamente sem conseguir me concentrar no que deveria fazer e por isso não faço nada. Resolvi escrever aqui, mas não sei bem o que... Não entendo nada de nada que vou escrever, já vou logo avisando pra que explicações não me passem.

Pois na falta de assunto blogueiro eu achei uma foto minha totalmente fora de foco que me fez parar e ficar olhando e, descobri que não me acho dentro daquele retângulo... mas acho lindo aquilo! Assim que estou, cara!!!



Foi como se esse retrato fosse o real retrato do que me vejo no momento em que existo sem perceber que o que sinto está escrito na minha testa: "cara Chato!" ne não?

é isso!