O patinho tavu na lagoa... O Menininho tavu na canoa... Se eu fosse uma brabuleta.... Pegavu ele e butavu na maleta....

10/16/2005

Paroles, paroles
En duo avec Alain DELON
Michaele/M.Chiosso/G.Ferrio.



Traduzido por mim mesmo, o q pode vir a ser muito tendencioso, mas pô, vai me dizer q num é isso?! Lembre-se, essa ai já uma versão da original, que é em italiano e só a RaqK pode dizer qualé...

Ele - C'est étrange, je ne sais pas ce qui m'arrive ce soir
Je te regarde comme pour la première fois
(É estranho, não sei o que me aconteceu essa noite
Eu te vejo como se fosse a primeira vez)

Ela - Encore des mots toujours des mots les mêmes mots
(De novo as palavras, todo os dias as palavras, as mesmas palavras)

Ele - Je ne sais plus comment te dire
(Eu nem sei mais como te dieri)

Ela - Rien que des mots
(Nada mais que palavras...)

Ele - Mais tu es cette belle histoire d'amour que je ne cesserai jamais de lire
(Mas tu é a mais bela história de amor qu'eu jamais pararei de ler)

Ela - Des mots faciles des mots fragiles, c'était trop beau
(as palavras fáceis, as palavras frageis, são tão bonitinhas...)

Ele - Tu es d'hier et de demain
(tu é o antes e o depois)

Ela - Bien trop beau
(Bem, muito bonitinho)

Ele - De toujours ma seule vérité
(De todos os dias minha solidão real)

Ela - Mais c'est fini le temps des rêves
Les souvenirs se fanent aussi quand on les oublie
(Mas, acabou o tempo de sonhar
As lembrancinhas se desbotam também quando a gente as esquece)

Uma pausa - tipo, aqui ela deixa claro pra mim que ela é um bibelozinho q ele mantem em uma estante, um prêmio, um cristal... uma porra qualquer que não se come, saca?

Ele - Tu es comme le vent qui fait chanter les violons et emporte au loin le parfum des roses
(tu é como o vento que faz cantar o violino e espalha ao longe o perfume das rosas)

Ela - Caramels, bonbons et chocolats
(Caramelos, balas e bombons!)

Ele - Par moments, je ne te comprends pas
(por um momento, eu não te entendo)

Ela - Merci pas pour moi mais,
Tu peux bien les offrir à une autre
Qui aime le vent et le parfum des roses
Moi les mots tendres enrobés de douceur
Se posent sur ma bouche mais jamais sur mon cœur
(Muito obrigada mas,
Tu bem pode oferecer a uma outra
que curta essa coisa de vento e perfume de rosas
Pra mim, as palavras tendem a se embalar suavemente
pousando em minha boca, mas jamais em meu coração)

Uma pausa - sente so o dispensadão... é coisa de mulher q ama e está sofrendo? Eu hem...

Ele - Une parole encore
(so uma palavrinha a mais)

Ela - Paroles et paroles et paroles
(Palavras, palavras e palavras!)

Ele - Écoute-moi
(escute-me)

Ela - Paroles et paroles et paroles
(Palavras, palavras e palavras!)

Ele - Je t'en prie
(eu te imploro)

Ela - Paroles et paroles et paroles
(Palavras, palavras e palavras!)

Ele - Je te jure
(Eu te juro)

Ela - Paroles et paroles et paroles et paroles
Paroles et encore des paroles que tu sèmes au vent
(Tu fala para caralho e só semeia o vento)

Outa Pausa - Essa parada de semear o vento... num parece q neguzinho num tá mandando balá no buraco certo?

Ele - Voilà mon destin te parler, te parler comme la première fois
(Mas então, meu destino é te falar, te falar como a primeira vez)

Ela - Encore des mots toujours des mots les mêmes mots
(de novo as palavras, todos os dias essas palavras, as mesmas palavras)

Ele - Comme j'aimerais que tu me comprennes
(Como eu amarei se tu me entender)

Ela - Rien que des mots
(Nada mais que palavras)

Ele - Que tu m'écoutes au moins une fois
(que tu me escutasse um momento uma vez)

Ela - Des mots magiques des mots tactiques qui sonnent faux
(As palavras mágicas, as palavras táticas que soam falso)

Ele - Tu es mon rêve défendu
(Tu é meu sonho protegido)

Ela - Oui, tellement fau
(É, falso pra caralho…)

Pausa - sente so o saco cheio da nega!!!

Ele - Mon seul tourment et mon unique espérance
(Meu céu atormentado e minha única esperança)

Ela - Rien ne t'arrête quand tu commences
Si tu savais comme j'ai envie d'un peu de silence
(Nada te para quando tu começa
Se tu soubesse como eu adoraria ter um pouco de silêncio)

Pausão Definitivo - Porra, se isso num é um chuta balde, eu num me chamo Sóter!!!

Ele - Tu es pour moi la seule musique qui fait danser les étoiles sur les dunes
(tu é para mim as música dos céus que faz danças as estrelas sobre as dunas)

Ela - Caramels, bonbons et chocolats
(caramelo, balas e bombons)

Ele - Si tu n'existais pas déjà... Je t'inventerais
(se tu não existisse, eu te criava)

Ela - Merci pas pour moi mais,
Tu peux bien les offrir à une autre
Qui aime les étoiles sur les dunes
Moi les mots tendres enrobés de douceur
Se posent sur ma bouche mais jamais sur mon cœur
(Muito obrigada, mas
tu bem podia dar isso a uma outra
Que adora as estrelas sobra as dunas
Pra mim, as palavras tendem a envolver suavemente
e chegam a minha boca, mas nunca no meu coração)

Pausa do enfim - Enfim, essa parada de chegar a minha boca jamais ao meu coração é sem dúvida nenhuma uma forma elegante de dizer que, tu me da uns beijinhos mas num me come nunca... Aqui fica claro!

Ele - Encore un mot, juste une parole
(So mais uma palabra, so mais uma!!!)

Ela- Paroles et paroles et paroles
(Porra, tu fala pra caralho)

Pausa - Dai em diante, eu chutei o balde na tradução, so pra ilustrar as entrelinhas...

Ele - Écoute-moi
(Me escuta, vai...)

Ela - Paroles et paroles et paroles
(Como fala esse merda)

Ele - Je t'en prie
(Eu te imploro)

Ela - Paroles et paroles et paroles
(Puta que Pariu, vai falar assim na puta que pariu!)

Ele - Je te jure
(Eu juro)

Ela - Paroles et paroles et paroles et paroles
Paroles et encore des paroles que tu sèmes au vent
(Fala pra caralho e só semeia o vento)

Ele - Que tu es belle !
(Tu é linda)

Ela - Paroles et paroles et paroles
(A porra!!!)

Ele - Que tu es belle !
(Mas tu é linda)

Ela - Paroles et paroles et paroles
(Foda-se...)

Ele - Que tu es belle !
(Mas tu é linda)

Ela - Paroles et paroles et paroles
(Ai que saco!!!)

Ele - Que tu es belle !
(Tu é linda)

Ela - Paroles et paroles et paroles et paroles
Paroles et encore des paroles que tu sèmes au vent.
(Fala pra caralho esse corno e só semeia o vento!!!)

Nenhum comentário: