O patinho tavu na lagoa... O Menininho tavu na canoa... Se eu fosse uma brabuleta.... Pegavu ele e butavu na maleta....

10/20/2005

Esse texto será muito cheio de palavrão MESMO



To avisando porque ninguém merece passar por isso, e eu to muito sem noção e preciso falar exatamente o que acho pra tentar chegar a uma conclusão. "Vamo combina" que a vida é cheia de regrinhas de condutas e educação que, às vezes, provocam muito a rebeldia da moçada, mas daí transformar isso em marketing de venda de um produto (sim, pois isso não é arte, é produto) já beira a falta de educação e princípios que valha me Deus!

Valeu, tem esse outro lado da moeda que me faz uma pessoa absurda, machista e muito ordinária no sentido de se meter abruptamente na suposta evolução da liberdade - principalmente sexual - das mulheres. Onde elas se posicionam nas caçadoras, que escolhem seus machos, seduzem e abatem sua caça com uma facilidade... significativa...

Por isso preciso falar, preciso até ser criticado para mesmo acordar, e devo falar o que estou vendo, POIS O REI ESTÁ PELADO AQUI, NA MINHA FRENTE!!!

Então, ontem foi uma noite ótima, e tudo deu certo, melhor noite do mundo, mas uma coisa me incomodou muito, não ao ponto de estragar minha noite, mas me instigou a escrever essa batatada aqui... Vamos lá, e agora começa a baixaria:

Porque, santo Deus, que esses clipes americanos são quase todos com coreografias de meninas lindas, excelentes bailarinas, sexys - ou seja, já estão bem na foto - e mesmo assim só fazem uma dancinha que lembra - dentro da expressão corporal - um ritual chamado, PF, COMAM MEU CU!?

Enorme a pergunta, eu sei, mas é grande a minha dúvida. Vem cá, não choca mais... virou lugar comum. Ontem vi garotas fazerem coisas na TV que nem no circo de solei - as contorcionistas chinesas - eu já vi neguzinho se entortar tanto. Tudo pra deixar bem claro, pra quem estivesse vendo, que ela está afim de DAR O CU. Não tem outra expressão. Claro que conseguiria falar isso de forma menos vulgar, mas não retrataria o que eu vi.

Não rola mais sensualidade, a conversa é direta, EI MOÇADA, QUEM VAI COMER MEU CU!? E isso se estende a coisas do tipo, AI NEGÃO, VOU TE CHUPAR A PIROCA!!! Tudo corporal, gestual, babacalmente muito claro! Como aqueles mímicos ruins que falam do céu e apontam pra cima e falam do mar e fazem ondinhas com a mão...

Bem, minha questão maior é se isso vulgariza a mulher ou se isso coloca a mulher como uma conquistadora, ou seja, tira a mulher da situação de fragilzinha e coloca na situação de caçadora, devoradora, voraz. Bem, teríamos q analisar letra por letra, porém, eu imagino que esses caras devem falar a mesma coisa sempre... tudo feio em série, como fábrica de entretenimento mesmo, como americanos. Enfim, nem sei porque cismei com isso, acho até que foi devida a oferta, saca? Muita mulher boazuda nessa pilha de VEM LOGO E METE A VARA!!! Devo ta carente... ehehehe


"não acho que exista diferença entre os sexos (homem, mulher e todos os outros, conhecidos e desconhecidos pela ciência atualmente). acho que a única coisa que faz a diferença é quanto dinheiro se tem. a partir daí são expostos os produtos para quem quiser comprar." - a baleia pelancuda

Nenhum comentário: